Search
Close this search box.

CIDADES

Homem sai de Mato Grosso para conhecer “presente de Deus virtual” no Maranhão e é rejeitado por ela

Publicado em

Um homem viralizou nas redes sociais ao fazer uma “loucura” por amor. Ele viajou do Mato Grosso durante dias em um ônibus até o interior do Maranhão, para conhecer a namorada virtual, com quem se relacionava há um bom tempo.

Porém, a experiência não foi tão boa, e a história de amor acabou virando um pesadelo.

 

De acordo com informações, após chegar na cidade de Poção de Pedras no Maranhão, a sua amada, aparentemente não gostou do homem, que ficou a deriva e pelas ruas da cidade.

 

A experiência traumática terminou com uma passagem de volta para sua terra natal.

 

Moradores registraram em fotos, ele de cabeça baixa e bastante triste a espera do ônibus para voltar para casa.

Anúncio
COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Van de pagodeiros capota em rodovia e deixa 6 feridos em MT
Anúncio

Lucas do Rio Verde

Festa do Milho: mais de 80 mil espigas serão utilizadas na produção de alimentos

Publicados

sobre

festa-do-milho:-mais-de-80-mil-espigas-serao-utilizadas-na-producao-de-alimentos

 (Foto: Ascom Prefeitura/Janderson Kavano)

Os preparativos para a comercialização de alimentos na 3ª Festa do Milho já começaram. Representantes das associações e empresas, que e credenciaram para participar da praça de alimentação do evento, começaram a colheita do milho que será utilizado para a produção dos alimentos. Este ano, os produtores tiveram acesso ao cereal de forma gratuita, através de uma parceria realizada pela Prefeitura de Lucas do Rio Verde, por meio das secretarias de Agricultura e Meio Ambiente, e Cultura e Turismo, e a Fundação Rio Verde.

“Essa é uma parceria muito sonhada e planejada desde o ano passado. Através da Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente, conseguimos essa parceria com a Fundação Rio Verde, que prontamente atendeu e está doando todo o milho que vai ser consumido na Festa do Milho. Hoje, a gente está testemunhando as associações e as empresas que vão produzir todos esses alimentos a base do milho, vir aqui fazer a colheita e fica aí a nossa gratidão, o nosso respeito e admiração por esse tipo de engajamento”, explicou a secretária de Cultura e Turismo, Luciana Bauer.

Para o secretário de Agricultura e Meio Ambiente, Felipe Palis, é uma satisfação contribuir para a realização da festa. “Além de ser um evento cultural, é um evento gastronômico, a base do milho, que é um produto importantíssimo para produção agrícola aqui da região. Estaremos presentes também com o Projeto Lixo Zero, implantado pela primeira vez no evento e aqui deixo meu agradecimento a secretária Luciana, por nos procurar e tornado parceiro desse lindo evento que é feito para a comunidade”.

Leia Também:  BMW é saqueada após 4 pessoas morrerem em acidente

O Projeto Lixo Zero será intensificado durante a festa, com a implantação de uma Central de Resíduos no lado esquerdo do palco, onde a equipe do Ecoponto e voluntários realizará a separação do lixo ao decorrer da festa e a população poderá destinar o lixo corretamente. O intuito é entregar o espaço do evento limpo, elevar a 90% o desvio de material que iria para o aterro sanitário e orientar a população com ações pontuais sobre educação ambiental, saneamento e explanação sobre destinação correta de resíduos.

De acordo com o supervisor geral da Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente, Marcelo Reckziegel, serão disponibilizadas para as 24 empresas e associações participantes do evento, mais de 80 mil espigas de milho, que foram plantados em dois hectares na Fundação Rio Verde, totalizando cerca de três mil espigas para cada representante.

Os comerciantes foram liberados a colher o milho nesta quarta e quinta-feira (10 e 11). O vice-presidente da Associação Lucas Riders, Evandro Chitolina, comentou sobre a parceria realizada para conseguir os milhos. “Estamos com uma expectativa muito grande para festa, vamos vender diversos pratos na nossa barraca, graças a essa parceria com a fundação, que foi muito valiosa. Ano passado os produtores tiveram que pedir milho fora e esse ano ficou mais fácil. Com o milho mais perto da cidade, em um lugar só, fica muito mais fácil você colher e proporcionar os alimentos para a Festa do Milho”.

Leia Também:  Van de pagodeiros capota em rodovia e deixa 6 feridos em MT

“A Fundação Rio Verde é uma parceira muito forte da Prefeitura. Foi feita toda a condução do milho, fizemos todo o manejo da área, todos os dias vinha alguém aqui avaliar para que o milho estivesse perfeito no período da festa”, explicou o diretor administrativo da Fundação, Bruno Borges.

A 3ª Festa do Milho acontece nesta sexta-feira e sábado (12 e 13), a partir das 18h, na rotatória da Prefeitura, e terá exposições de caminhões e máquinas agrícolas, comercialização de produtos da agricultura familiar, feira de artesanato, praça de alimentação com pratos típicos derivados do milho, apresentação do grupo de siriri Flor de Atalaia, e show musicais dos artistas Victor Lucca, Pâmella Viola e Karoline, Rick Nunes, Leandro Monteiro, Cleyci Rosângela e a dupla Munhoz e Mariano.

Anúncio

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

LUCAS DO RIO VERDE

MATO GROSSO

POLÍCIA

ENTRETENIMENTO

ESPORTES

MAIS LIDAS DA SEMANA